Comprar OnLine Equipamentos Médico Hospitalares Contec MED™ BR: Mosquitos da malária são atraídos particularmente pelos feromônios humanos

terça-feira, 28 de outubro de 2014

Mosquitos da malária são atraídos particularmente pelos feromônios humanos


Mosquitos da malária são atraídos particularmente pelos feromônios humanos

Mosquitos da malária são atraídos particularmente pelos feromônios humanos
Mosquitos infectados com protozoários da malária são significativamente mais atraídos a humanos do que os mosquitos não infectados, reporta uma equipe internacional de pesquisa na revista científica "PLOS ONE". O parasita causador da malária Plasmodium falciparum altera o sistema olfatório do mosquito hospedeiro de maneira que o inseto acha o odor dos humanos mais atrativo e, assim, voa em direção à fonte do odor mais frequentemente, disseminando mais vezes as doença.
Renate C. Smallegange da Universidade Holandesa de Wageningen, e pesquisadores dos EUA e Reino Unido, conduziram experimentos sobre o mosquito da espécie Anopheles gambiae sensu stricto e pedaços de tecido com feromônios humanos.
Eles descobriram que os 79 mosquitos infectados com malária pousaram em um pedaço de pano 0,8 vezes no espaço de três minutos. Isto significa que uma média de 80% dos insetos infectados foram atraídos para o tecido com odor humano. Somente um quinto dos mosquitos não infectados, no entanto, foram atraídos pelo pano com odor humano no mesmo intervalo de tempo.
"Até agora, a maioria dos estudos que lidavam com mosquitos do gênero Anopheles gambiae eram conduzidos com insetos não infectados. Nossos dados, entretanto, mostram que tais resultados não são necessariamente representativos para os mosquitos infectados", alertam os pesquisadores. Assim, um fator vital está faltando nos modelos matemáticos usados para calcular a disseminação da malária.



Oxímetro De Pulso R$ 123,00 Digital Portátil 
Contec CMS-50DL 

Oxímetro De Pulso Contec Med CMS-50DL
123,00R$
http://www.contec.med.br/oximetro-de-pulso-contec-med-cms-50dl

Nenhum comentário:

Postar um comentário