Comprar OnLine Equipamentos Médico Hospitalares Contec MED™ BR: Vacinas de reforço contra a febre amarela não são necessárias, de acordo com a OMS

Saúde - Notícias

segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Vacinas de reforço contra a febre amarela não são necessárias, de acordo com a OMS

Vacinas de reforço contra a febre amarela não são necessárias, de acordo com a OMS

  • APA
  • 5 Visualizações
    Sem avaliação
Vacinas de reforço contra a febre amarela não são necessárias, de acordo com a OMS
Pessoas que viajam a países tropicais epidêmicos para febre amarela somente precisam ser imunizados uma vez na vida. Em uma declaração do Grupo Consultor Estratégico de Peritos (Strategic Advisory Group of Experts, SAGE) para imunização, a Organização Mundial da Saúde (OMS) destacou que não há a necessidade de reforço para a vacina após dez anos.
"Até agora, a recomendação era de aplicar um reforço da vacina de febre amarela depois de dez anos", disse Helen Rees, chefe do comitê. Desde a década de 1930 até o presente, quase 600 milhões de doses da vacina para a doença viral foram administradas. Cerca de 200.000 casos são relatados a cada ano em todo o mundo. Quinze por cento das pessoas afetadas pela infecção, disseminadas por mosquitos, desenvolvem doenças graves e metade desses morre devido a tais doenças. A febre amarela é prevalente principalmente em 44 países da África tropical e América do Sul.
Os registros atuais de vacinas e infecções formam a base da nova recomendação. Desde o início da imunização para a febre amarela, um total de não mais de doze infecções foram registradas em indivíduos vacinados, todas ocorridas no prazo de cinco anos da primeira vacinação. Isto significa que a proteção parece durar muito mais - provavelmente por toda a vida - e as exceções extremamente raras podem ser devidas a outros fatores.

 #medicina
#enfermagem
#oxímetro de pulso contec cms-50d cms50d cms 50d CMS-50D PRONTA ENTREGA FRETE GRÁTIS LOJA ONLINE VIRTUAL

Nenhum comentário:

Postar um comentário